Home Sem categoria Empresa alemã de energia E.ON adquire Innogy

Empresa alemã de energia E.ON adquire Innogy

Autor

Data

Categoria

A empresa de energia alemã E.ON tem adquirido seu colega Innogy, em um dos maiores negócios feitos no alemão mercado. Como resultado da fusão, a E.ON se tornou uma das maiores operadoras de redes de energia da Europa, fornecendo soluções de energia para cerca de 50 milhões de clientes. A E.ON emprega cerca de 75.000 pessoas e está ativa em 15 países europeus.

A E.ON continuará a desempenhar um papel ativo no mercado de Israel sob a gestão de Mickey Steiner, por meio de duas abordagens:

– Primeiro, por meio da E.ON Innovation, uma plataforma modular para inovação que combina inovação interna, parcerias intersetoriais e pesquisa e tecnologia identificar e desenvolver as mais recentes tecnologias e modelos de negócios digitais no setor de energia e além, lançando-os para o core business da E.ON.

– Em segundo lugar, por meio da Future Energy Ventures, a plataforma de colaboração e risco recém-estabelecida da E.ON liderada por Ines Bergmann-Nolting e Jan Lozek. A Future Energy Ventures administrará o portfólio de startups existente da E.ON e investirá em negócios digitais, escalonáveis ​​e com recursos leves no estágio da Série A e além com potencial estratégico para a E.ON.

Ambas as unidades estão sediadas em Essen e administram escritórios no hub de startups da Europa, Berlim, bem como em Tel Aviv, Israel, e no Vale do Silício, nos Estados Unidos.

Comentando sobre a fusão, Mickey Steiner, chefe das operações da E.ON em Israel, disse: “Congratulo-me com a mudança, que abre novas oportunidades para nós e para o ecossistema israelense. Estou animado para continuar envolvido na Future Energy Ventures , bem como a E.ON Inovação em Israel. Com esta nova estrutura buscamos colaborar tanto com startups quanto grandes empresas. Oferecemos a empresas israelenses conexões de negócios e oportunidades de parceria com a enorme rede interna da E.ON sediada em vários países da Europa , incluindo Alemanha, Polônia, Suécia, República Tcheca, Reino Unido e Itália, entre outros. Estamos em busca de soluções inovadoras em diversos campos, como carregamento de EV, sistemas de energia avançados (micro-rede, usina de energia virtual e similares), sistemas de gerenciamento e controle de edifícios, sistemas de produção e distribuição de energia térmica e muito mais. “

Fonte: https://www.jpost.com/jpost-tech/german-energy-company-eon-acquires-innogy-649161

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Artigos recentes

Bebê morre afogado em batismo da Igreja Católica Ortodoxa

Contando com cerca de 250 milhões de fiéis no mundo, presentes principalmente na Europa Oriental, em países como Rússia, Romênia e Ucrânia, a Igreja...

Governo do Reino Unido está pensando em bater nas portas de vacinas de refusniks

O governo do Reino Unido está considerando um plano para enviar funcionários do conselho para bater nas portas daqueles que se recusaram a tomar...

Rompendo com a tradição católica, o papa indica a primeira mulher para um cargo sênior

CIDADE DO VATICANO, Santa Sé - O Papa Francisco rompeu com a tradição católica ao nomear uma mulher como subsecretária do sínodo dos bispos,...

Vacinação desacelerou em 50%, lamenta oficial, culpando ‘notícias falsas’ online

Mesmo que as vacinas estejam agora sendo oferecidas a todos os israelenses com mais de 16 anos, o ritmo das vacinações diminuiu drasticamente, disse...

‘Devíamos nos teletransportar, não dirigir’, diz Zuckerberg

O fundador e CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, acredita que o gigante da mídia social está prestes a transformar a maneira como as pessoas...